Exportação na safra 2020/21 de café atinge recorde de 45,6 milhões de sacas

O Brasil bateu recorde de exportação de café na safra 2020/21, que terminou em junho, segundo balanço do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé) divulgado nesta segunda-feira (12). Na temporada foram embarcados 45,6 milhões de sacas de 60kg, 13,3% a mais do que na safra anterior e 10,1% a mais do que o recorde anterior, da safra 2018/19. A receita cambial em 2020/21 acumulou US$ 5,84 bilhões, 13,4% a mais do que em 2019/20. O presidente do Cecafé, Nicolas Rueda, afirmou em entrevista coletiva que o resultado “foi fantástico em termos de quantidade, de qualidade e de preços”.

Os principais destinos do café brasileiro na safra foram Estados Unidos, com 8,337 milhões de sacas; Alemanha, com 7,948 milhões de sacas; e Bélgica, com 3,833 milhões de sacas. Os três países apresentaram crescimento em relação ao volume importado na safra anterior, de 5,8%, 16,2% e 40%, respectivamente.

No mês de junho, foram exportados 3,01 milhões de sacas, 2,1% a menos do que em junho de 2020. A receita no mês foi de US$ 423,2 milhões, aumento anual de 17,0%.

Estadão Conteúdo
11:20:02

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *