Serviços operam 12,1% abaixo pico em novembro de 2014, diz IBGE

A queda de 0,2% no volume de serviços prestados na passagem de julho para agosto aumentou a distância a percorrer para que o volume de serviços prestados no País volte ao patamar mais alto já registrado pela Pesquisa Mensal de Serviços, divulgada nesta sexta-feira, 11, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O volume de serviços prestados opera 12,1% abaixo do ponto mais alto da série histórica, registrado em novembro de 2014.

“O setor de serviços mostram dificuldade de se distanciar desse patamar de 12%, fica trocando taxas negativas e positivas nos últimos meses”, resumiu Rodrigo Lobo, gerente da Pesquisa Mensal de Serviços no IBGE.

Lobo lembra que o segmento de serviços ficou positivo em apenas três dos oito meses de 2019, recuando em cinco deles. O setor opera 1,5% abaixo do patamar de dezembro de 2018.

As maiores pressões negativas são das atividades de transportes – especialmente de cargas – e de serviços prestados às famílias, disse Lobo.

IstoÉ
10:55:02

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *