Bastidores da política

ACABOU O TORMENTO
Neste ano os candidatos a prefeito e vereador não poderão se utilizar de carros de som. Sempre nas campanhas este detalhe vira um tormento para a população devido ao grande número de pretendentes ao cargo e alguns exageros. Política sem carro de som na rua. Para os candidatos, o consolo é de que trata-se de uma despesa a menos.

IMAGINEM
Numa campanha política com oito candidatos a prefeito e mais de uma centena deles a vereador, imaginem a barulheira que seria na cidade nos 45 dias de campanha.

BLOG FARÁ ENTREVISTAS COM CANDIDATOS
O nosso blog fará entrevistas com os candidatos a prefeito. O objetivo é fazê-la ao vivo em horário de fácil acesso para os eleitores. Antes de iniciar o ciclo de entrevistas, após um período a partir do dia 27, efetuaremos o sorteio dos candidatos para obedecer uma ordem de apresentação.

15:34:43

6 Comments

    1. Obrigado Carlos pela consideração. Não estou me referindo ao trabalho do pessoal que trabalha com som volante, mas ao número de sons próprios que surgem nesta época e até atrapalham vocês. Não precisa me ofender.

    2. Não é legal você dizer que gosto de ver a desgraça dos outros. Nunca me referi a você desta forma. Sempre te respeitei, te admirei e vou continuar pensando assim.

      1. Infelizmente, já estamos sem serviços, talvez esta seria uma opção para diminuir o sangramento, pois até parece que carros de som são tormento e não um meio de ganhar a vida.
        Esta frase machuca “ACABOU O TORMENTO”

        1. Mas não estou me referindo ao seu trabalho e de outros da área. Apenas disse que os candidatos em campanha fazem muito barulho, e que seriam muitos próprios. Jamais vou atentar contra o trabalho que vocês fazem que sempre admirei. Note a minha situação. Não posso fazer propaganda de ninguém, é proibido na lei eleitoral vender o meu tipo trabalho. Mas estou tranquilo. Acho que vai tudo correr bem. Me desculpe se você se achou ofendido, mas não fiz para denegrir ninguém, muito menos você com quem sempre tive ótimo relacionamento.

        2. Na verdade Carlos, estou um tanto chateado. Não posso escrever nada. Só recebo xingamentos e críticas de meu trabalho. Sé coloca notícia alguém briga. Se não falo nada, também me criticam. Não é fácil, não!

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: