Milhares de palestinos fogem de Rafah por temor de ofensiva terrestre israelense

Início » Blog » Milhares de palestinos fogem de Rafah por temor de ofensiva terrestre israelense

Dezenas de milhares de civis continuam fugindo nesta quarta-feira (15) da cidade de Rafah, sul da Faixa de Gaza, bombardeada por Israel e ameaçada por uma grande ofensiva terrestre, no dia em que os palestinos recordam a “Nakba”, a “Catástrofe” que representou para eles a criação do Estado de Israel em 1948.

Durante a “Nakba”, quase 760.000 árabes palestinos fugiram ou foram expulsos de suas casas, segundo os dados da ONU, para buscar refúgio nos países vizinhos ou no que viriam a ser a Cisjordânia e a Faixa de Gaza.

“Gaza não se ajoelhará diante de tanques e armas”, gritaram na terça-feira milhares de palestinos durante a marcha anual de recordação.

Na Faixa de Gaza, cercada e devastada pela guerra entre Israel e o Hamas, a população civil, forçada ao deslocamento diversas vezes desde o início do conflito, retorna às estradas para tentar encontrar refúgio, embora a ONU afirme que “não há lugar seguro em Gaza”.

Correspondentes da AFP e testemunhas relataram a continuidade dos ataques aéreos, bombardeios de artilharia e combates durante a madrugada e a manhã em Rafah, Jabaliya (norte) e no bairro de Zeitun, na Cidade de Gaza.

Rafah, uma cidade na fronteira com o Egito, está sob ameaça de uma ofensiva terrestre. Centenas de milhares de palestinos, a maioria deslocados, estão aglomerados na localidade.

O braço armado do Hamas, as brigadas Ezzeldin Al-Qassam, confirmou confrontos com as forças israelenses no campo de refugiados de Jabaliya.

O Exército de Israel também anunciou combates “intensos” na cidade de mesmo nome e informou que matou vários “terroristas”. AFP

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agropecuária-COnfiança-1