TCU apura irregularidades na realização do GP do Brasil

O Tribunal de Contas da União (TCU) abriu no último mês um procedimento investigatório para apurar possíveis irregularidades no repasse de recursos federais para a realização do GP do Brasil de Fórmula 1, em Interlagos. A verba de R$ 160 milhões aplicada gradualmente desde 2014 até hoje tem sido utilizada para reformar o autódromo. A liberação do investimento foi para garantir a renovação do acordo entre prefeitura, organização da corrida e o comando da categoria para garantir a realização da etapa paulistana pelo menos até 2020.

Terra
10:10:03

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *