Monitor da Violência

O Brasil teve um aumento de 2% no número de mulheres assassinadas no primeiro semestre deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado. Os casos de feminicídios também subiram. Em contrapartida, os registros de outros crimes relacionados à violência contra a mulher, como agressões e estupros, caíram no país. É o que mostra um levantamento exclusivo feito pelo G1 com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal. Porém, especialistas apontam subnotificação durante pandemia.

Mulheres negras são as principais vítimas de homicídios. Já as brancas compõem quase metade dos casos de lesão corporal e estupro. Mas mais de um terço dos estados não divulga raça, o que também pode indicar subnotificação.

G1
09:30:01

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: