Maioria dos candidatos apoiados por Bolsonaro sofre derrota

Dos 45 candidatos a vereador que apareceram no “horário eleitoral gratuito” de Jair Bolsonaro, apenas sete conquistaram uma vaga no legislativo de suas cidades. Entre os derrotados, estão quatro que tiveram um empenho extra do presidente, como a sua ex-assessora Wal do Açaí (Republicanos), em Angra dos Reis; Deilson Bolsonaro, em Boa Vista; e Clau de Luca (PRTB) e Sonaira Fernandes (Republicanos), em São Paulo.

O quarteto, com os respectivos números, foi mencionado em uma publicação na véspera da votação. A postagem foi apagada no domingo (15) quando as urnas indicavam o fracasso dos apadrinhados. Eles também foram mencionados diversas vezes nas transmissões ao vivo.

Estadão Conteúdo
12:20:20

2 Comments

  1. Não é à toa que apelidaram o bozo de MICK JAGGER, não foram só vereadores que sofreram e se arrependeram do apoio em lives do boçal, 17 prefeitos das capitais também caíram do cavalo, desses 17, oito antes do apoio declarado estavam na liderança das pesquisas e não foram para o segundo turno, (Russomano é um deles) 5 capitais não terá segundo turno, quatro vão concorrer no segundo turno (2 na casca).
    Florianópolis, Belo Horizonte, Salvador, Curitiba e Natal, não terão segundo turno, significa que os apoiados pelo bozo já dançaram.
    Recife, São Paulo, Goiânia, Aracaju, João Pessoa,Vitória, Maceió e Teresina, terão segundo turno, mas os apoiados pelo bozo também dançaram.
    Rio de Janeiro, Fortaleza, São Luis e Belém, terão segundo turno com candidatos apoiados pelo bozo.
    E só para constar o miliciano Carlos, foi eleito no Rio pela sexta vez, com 35 mil a menos que 2016, sinal que ainda tem muito gado solto por aí.
    Só uma pequena amostra da derrocada que se anuncia.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: