Jornalista italiano Giampaolo Pansa morre aos 84 anos

O jornalista italiano Giampaolo Pansa morreu neste domingo (12) em Roma aos 84 anos de idade. As causas da morte não foram reveladas.

Natural de Casale Monferrato, Pansa passou por diversos veículos de comunicação da Itália, como o “Il Giorno”, “Il Messaggero”, “Corriere della Sera” e “La Repubblica”. Sua carreira de jornalista começou no início da década de 1960, quando trabalhou no diário “La Stampa”, de Turim.

O italiano, que era conhecido por suas provocações e definições sarcásticas aos políticos do país, também foi historiador e autor de romances em grande parte focados nos anos da guerra partidária.

Em 2016, Pansa perdeu seu filho Alessandro, ex-CEO da Finmeccanica, que morreu aos 55 anos em decorrência de uma grave doença.

Diversos nomes importantes da política italiana lamentaram a morte de Pansa. A prefeita de Roma, Virginia Raggi, definiu o jornalista como um profissional “corajoso que amava a verdade”.

Já o presidente da Itália, Sergio Mattarella, afirmou que Pansa foi um “intelectual de caráter absolutamente original”. O chefe de Estado ainda destacou o “talento” e a “autonomia” do jornalista.(ANSA)

12:15:03

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *