Homem discorda com atendimento em unidade de saúde e agarra pescoço de médico

Um homem de 37 anos, morador de rua, deve responder por lesão corporal e desacato após agarrar o pescoço de um médico de 40 anos, que trabalha no Serviço de Ambulância de Presidente Prudente. O caso foi registrado nesta quinta-feira (15) na Delegacia Participativa da Polícia Civil.

A polícia foi acionada, pois um paciente e um médico da Unidade de Pronto Atendimento do bairro Ana Jacinta haviam se desentendido. O homem foi levado à unidade de saúde pelo SAME, pois foi encontrado na rua, deitado, com sinais de embriaguez.

Após a chegada ao local, o médico informou que atendia o homem e, em determinado momento, iniciou uma discussão por causa de “divergência no atendimento”. Foi quando, com as mãos, o agressor agarrou o pescoço da vítima.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, o médico sofreu escoriações leves no pescoço. Foi requisitado exame de corpo de delito.

O agressor foi ouvido pela polícia e alegou que ficou nervoso com o tratamento dispensado pela vítima. Ele ainda confirmou que, no momento, “o segurou pelo pescoço”.

Após ser ouvido, o agressor foi liberado e se comprometeu a comparecer em Juízo quando convocado for.

G1/Prudente
14:52:03

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: