Em economia, seria positivo reduzir judicialização de conflitos, diz Moro

O ministro da Justiça, Sergio Moro, disse nesta sexta-feira, 5, que seria positivo para a economia se fosse reduzido no país o volume judicialização de conflitos empresariais. Para Moro, conflitos econômicos deveriam ser resolvidos fora das cortes de Justiça.

“As cortes de Justiça deveriam ser acionadas em última instância”, disse o ministro, que falou por cerca de uma hora para uma plateia de mais ou menos 8 mil empresários em um evento do mercado financeiro, em São Paulo. O evento foi organizado pela XP Investimentos.

Moro disse ainda não entender que a agenda econômica, conduzida pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, possa ofuscar a agenda anticrime. Na verdade, de acordo com ele, são duas agendas que se complementam. O ministro deixou claro, porém, que não quer ser um empecilho à reforma da Previdência.

“Não quero ser um empecilho à reforma da Previdência. O pacote anticrime pode esperar um pouco, o povo pode esperar mais um pouco. Já esperou tanto”, disse o ministro.

Estadão Conteúdo
14:20:03

1 Comment

  1. OAB solicita ao COAF informações sobre investigação do jornalista Glenn Greenwald! A OAB nacional oficiou a conselho de controle de atividades financeiras (COAF) sobre a suposta solicitação por parte da Policia Federal das movimentações do Editor do The InterceptBrasil! O jornalista Glenn Greenwald! O documento foi entregue nesta sexta-feira (5) A OAB levanta preocupações sobre o risco de violação dos direitos à liberdade de expressão e a liberdade de imprensa autos imprescindíveis ao estado democrático de direito! Com essa a OAB quebra as penas do ex- Juiz Sergio Moro!!
    Se correr o bicho pega se ficar o bicho come!!
    #eusouLula #LulaLivreJá LulaInocente

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *