Eleições 2020: número de eleitores aptos a votar é menor que em 2016

Esse ano tem eleições municipais, que é quando a população votante vai às urnas para escolher quem vai representar os municípios, através de prefeitos e vereadores, pelos próximos quatro anos. Mas, para 2020, comparado à última vez que o cenário foi esse, 2016, o número de eleitores aptos a votar na região de Presidente Prudente é menor. Para ser mais exato, a quantidade foi de 678.135 a 673.163, isto é, 4.972 pessoas a menos, conforme dados do TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral do Estado de São Paulo).

E a situação foi principalmente motivada por conta daqueles que, há três pleitos, não votaram (sem justificativa) e não procuraram a regularização do título de eleitor, como explicado pelo chefe de cartório Fabiano de Lima Segalla. Ele lembra que o prazo para regularizar esse problema, neste ano, acabou no dia 6 de maio, sendo assim, não é possível que esse número de eleitores aptos se altere ainda em 2020, influenciando assim o pleito deste ano.

A quantidade de eleitores que vão às urnas poderia ser menor, se fosse considerada a situação biométrica. No entanto, o presidente do TSE (Tribunal Supremo Tribunal), ministro Luís Roberto Barroso, decidiu excluir a biometria para as eleições 2020, a fim de evitar o contágio da Covid-19. Então, quem teve o título de eleitor cancelado por esse motivo foi automaticamente, e temporariamente, regularizado. “Excepcionalmente foram regularizados, mas, após a eleição, voltarão ao status de cancelados”, completa Fabiano.

O Imparcial
09:35:02

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: