Educadora constrói casa com garrafas de vidro, em Foz do Iguaçu: ‘Além de tirar do meio ambiente, vou ter meu cantinho’

Dóris teve a ideia de construir uma casa com garrafas de vidro para economizar com tijolos, em Foz do Iguaçu — Foto: Arquivo pessoal

O que podia ir para o lixo ou parar no meio ambiente, tornou-se a principal matéria-prima para Dóris Dias realizar o sonho da casa própria, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. Com mais de 10 mil garrafas recicladas, a “casa de vidro” da educadora social tomou forma e está na reta final da construção, na Vila C.

“A maioria dos brasileiros não tem condição de ter a casa própria. É muito difícil conseguir uma casinha. Esse é um sonho meu. Antes eu pensava que de jeito nenhum ia conseguir, mas agora vejo que está cada vez mais perto. Além de tirar as garrafas do meio ambiente, ainda vou ter meu cantinho. Não vejo a hora”, contou.

Depois de casar e ganhar parte do terreno dos pais, Dóris fez orçamentos para construir uma casa convencional. Os materiais tradicionais, como madeira e tijolos, afastaram o sonho da iguaçuense, que não tinha condições de arcar com a obra.

Tudo mudou quando a educadora conheceu projetos sustentáveis com casas de garrafas PET e de vidro, em diferentes lugares do mundo, inclusive, no Brasil.

De acordo com Dóris, a ideia da casa de garrafas surgiu depois de fazer a festa de casamento dela, em setembro de 2019, usando materiais recicláveis.

Com doações da comunidade e buscando a matéria-prima pelas ruas de Foz do Iguaçu, ela e o marido, Robson Lopes, juntaram milhares de garrafas e começaram a construção em abril deste ano.

“Procurei as garrafas em bueiros, nas ruas e fiquei impressionada com o tanto que encontrei. As pessoas não pensam em aproveitar nada. No Brasil não se pensa muito na sustentabilidade. Vi casas com garrafas na Bolívia, Tailândia e outros lugares”, afirmou.

G1
11:20:02

1 Comment

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: