Blog News

Casa-abrigo para mulheres em risco de violência doméstica
Uma ação civil pública ajuizada nesta sexta-feira (31) pede ao Poder Judiciário que obrigue o Estado de São Paulo e a Prefeitura a implantarem solidariamente na cidade de Dracena uma casa-abrigo para mulheres e respectivos dependentes menores de 18 anos em situação de violência doméstica e familiar e um centro de educação e de reabilitação para os agressores. Os dois tipos de serviços estão previstos na chamada Lei Maria da Penha. (G1 Prudente)

Colaborando com o Turismo
Militares da Delegacia Fluvial de Presidente Epitácio, do 8° Distrito Naval, trabalhou para a revitalização da Orla da cidade de Presidente Epitácio, através de pedido do Presidente do Conselho Municipal de Turismo (ConTur). Os militares realizaram as pinturas de placas de contenção, para futura pintura em grafite.

10:11:10

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *