Agentes interceptam entrada em presídio de cocaína líquida ‘disfarçada’ em meio a tomates e queijo

Cocaína líquida estava ‘disfarçada’ em meio a tomates e queijo — Foto: SAP

Funcionários da Penitenciária Maurício Henrique Guimarães Pereira, a P2, em Presidente Venceslau (SP), conseguiram interceptar a entrada de um recipiente com cocaína em forma líquida na unidade.

De acordo com os dados divulgados nesta quarta-feira (15) pela Secretaria da Administração Penitenciária do Estado de São Paulo (SAP), a droga era carregada em meio a uma vasilha plástica com tomates-cerejas e queijo branco, embebidos em um líquido transparente, que uma mulher visitante levava para um preso que cumpre pena no local.

Os agentes identificaram a cocaína em forma líquida e impediram a entrada da mulher na unidade.

A visitante foi encaminhada à Delegacia da Polícia Civil e acabou presa em flagrante por tráfico de droga.

A polícia informou ao G1 nesta quarta-feira (15) que a prisão em flagrante foi convertida em preventiva pela Justiça em audiência de custódia.

G1/Prudente
09:20:03

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *